Política Editorial

A revista RE@D privilegia tematicas relacionadas com os desenvolvimentos educacionais e  pedagogicos sustentados por tecnologias digitais bem como a reflexao em torno das problematicas sociais, culturais e simbolicas mais marcantes da sociedade em rede e da cibercultura e  aceita contribuições no âmbito da sua política de secção.

Pol´ítica de secção

a) Reflexão teórica ou revisão crítica de literatura

Textos que apresentam contributos ao nível de propostas/modelos e/ou quadros concetuais originais e inovadores, constituindo contributos significativos para a reflexão e discussão do conhecimento no âmbito editorial da revista.  Os artigos de revisão crítica da literatura deverão ser amplamente fundamentados, revelando uma pesquisa alargada e deverão descrever os critérios e procedimentos de seleção e análise da bibliografia de suporte. Os textos desta secção deverão conter desejavelmente entre 5000 e 8500 palavras e conter:

  • Título do artigo e resumo com 200 palavras(em 2 línguas), seguido de 3 a 5 palavras chave;
  • Introdução, relevando a pertinência do tema abordado;
  • Revisão da literatura que inclua aspetos atuais e importantes;
  • Sistematização dos contributos para a área em análise.
  • Referências bibliográficas de acordo com as normas APA.

b) Estudos empíricos / investigações e práticas

Os textos desta seção deverão apresentar investigações e estudos empíricos realizados no âmbito da revista e   deverão situar-se desejavelmente entre 4500 e 8500 palavras e conter:

  • Título e resumo com 200 palavras (em 2 línguas), seguido de 3 a 5 palavras chave;
  • Quadro concetual que presidiu à investigação.
  • Problema e questões de investigação;
  • Descrição dos procedimentos metodológicos;
  • Análise e discussão dos resultados;
  • Conclusões;
  • Referências bibliográficas de acordo com as normas APA. 

c) Folium 

Textos que não sendo inéditos representam uma contribuição significativa para a área de Educação a Distância e do Elearning. Os textos incluídos nesta seção são da responsabilidade da direção da revista, mediante proposta fundamentada dos membros do Conselho Editorial da revista

Política de revisão por pares

  • Todos os artigos submetidos à revista serão objeto de um processo de revisão por pares totalmente anónimo, envolvendo no mínimo dois pareceres de especialistas.
  • Da avaliação pode resultar a aceitação do texto para publicação conforme proposto, a sua rejeição ou sua aceitação mediante as revisões sugeridas. A Direção Editorial pode, também, deliberar pela não publicação, devido a critérios de natureza editorial
  • Aos autores será dado conhecimento dos pareceres e da decisão da direção da revista sobre a respetiva publicação.