Construção de uma ontologia para as ocupações do Santo Ofício

  • Albertina Ferreira Instituto Politécnico de Santarém, CIDEHUS
  • Carlos Caldeira Universidade de Évora
  • Fernanda Olival Universidade de Évora, CIDEHUS
Palavras-chave: ontologias, Protégé, bases de dados históricas, prosopografia

Resumo

As ontologias, ao representarem um domínio específico de interesse, podem contribuir para a obtenção de novos conhecimentos sobre dados históricos. A partir de elementos disponíveis numa base de dados prosopográfica, identificaram-se e classificaram-se relacionamentos entre as ocupações e o estatuto social de diversos indivíduos (sobretudo de membros do Santo Ofício - século XVI ao século XVIII). A partir desta base de conhecimento, construiu-se uma ontologia, utilizando o software Protégé. O objetivo deste trabalho é a descrição da construção da ontologia desde a determinação dos recursos utilizados até às metodologias aplicadas.

Publicado
2018-03-27
Secção
Artigos